Minha história

Sempre fui uma alma inquieta

Nasci em João Pessoa, sou mãe do Matheus e da Victória; vivi muitos anos em Curitiba, de onde parti para uma grande jornada de minha vida.

Fiz o caminho de Santiago, fui para a Índia, expandi meus conhecimentos espirituais e potencializei uma sensibilidade inata para entender e auxiliar pessoas em crise de imagem, crise de identidade.

Sou formada em Publicidade pela FIAM e desde então atuei com diversidade: Já fui modelo, dona de casa, mãe, empreendedora, consultora de imagem… já tive fama, riqueza, luxo e poder… mas ainda assim me sentia infeliz.

Do glamour a insatisfação

Acredite se quiser, eu tive tudo o que uma mulher deseja…mas não estava satisfeita com minha vida.

Fui modelo da Ford Models, depois me tornei, produtora de moda, e com os conhecimentos adquiridos vivendo nesse universo, fundei minha empresa, Andrea Roque Neiva Coaching de Imagem; onde utilizei uma metodologia própria e exclusiva para desenvolver a melhor imagem externa, equilibrando os comportamentos observáveis da personalidade com símbolos da imagem estética.

Fui pioneira em Coaching de Imagem no Brasil, viajei pelo país ministrando palestras e workshops para os mais diversos públicos através inclusive de programas de TV e grandes empresas como HSBC, DuPont do Brasil, Unimed, Keune, Amcham, YPO, OAB, Kate Spade, Armani, Ermenegildo Zegna, Le Lis Blanc, Versace, Puc, Burberry,Osklen, Michael Kors, Dumond, Fit,Graciosa Country Clube, Clube Curitibano, Intercoiffure, Stylo Hair Institute, Hair Brasil, Mega Polo Moda, Financeira Renault Nissan, Silvia Doring, SESCOOP, FGV/ISAE, Construtora Baú, Galvão Vendas, Audifactor, Tribunal de Contas do PR, UFPR e PUC-PR, 96 Rádio Rock, Congresso de Felicidade, Cori, …

Quanto mais sucesso eu alcançava, mais eu questionava a minha insatisfação com aquilo tudo que eu sempre desejei. “Como posso estar infeliz conquistando tudo o que eu quero?”

A vida por um fio

A morte repentina do meu pai foi um portal na minha vida.

O gatilho para que eu entendesse: a vida é um sopro, não vale a pena gastar um minuto sequer fazendo algo que não preencha a alma.

Tirei um período sabático, mergulhei por 7 anos profundamente em estudos experienciais da essência humana.

Questionando a minha relação comigo mesma, passei por um processo de desconstrução de identidade que me fizeram mergulhar no meu profundo, acessar dores negadas, fragilidades e compreender o por que buscamos camuflar essa crença de inadequação em uma imagem ideal.

Participei de imersões profundas, retiros, fiz diversas formações. Ia explorando os métodos em mim e me curando. A partir dessa transformação pessoal minha metodologia nasceu. Um método que une IMAGEM e ESSÊNCIA.

Beleza e amor próprio

Beleza é a coragem de se amar.

Meus dons relacionados à beleza a serviço de ajudar pessoas a encontrarem a percepção de valor sobre si e experimentar a beleza em forma de amor próprio.

Compreendi que um estilo verdadeiro não serve a aprovação do outro, mas representa a nossa forma natural de ser sem esforço de provar nada. Estilo serve para vestir a nossa alma tangibilizando nossos atributos verdadeiros da essência.

Porque a autoestima baseada na aparência externa,  só dura enquanto estamos com a bolsa, o vestido e os cabelos arrumados. Mas, e todo o resto do tempo que vivemos? Como se amar descabelada ao acordar?

A verdadeira beleza, acontece quando assumimos quem somos a partir de uma transformação de como nos enxergamos, um detox de rótulos e  padrões. Nos dando permissão para ir além de modelos ideais. Um processo de ir substituindo o APARENTAR pelo SER. Uma atitude de DES-COBRIR-SE. Se desnudar para si mesmo e se RE-CONHECER com valor.

Desvendar a si mesmo

Um passo a passo revolucionário que requer coragem e decisão!

Meu propósito é te guiar nesse caminho de desvendar a si mesmo, quebrando padrões de modelos ideais, reconhecendo o seu valor e te dando recursos para você se nutrir dessa percepção ilimitada de si, sustentando sua beleza singular, para que você sinta-se bem em ser você.

A roupa não nos dá de fato a percepção de valor, ela é uma muleta para esconder nossa sensação de inadequação, que é inconsciente.

A cura está em encontrar esse valor de dentro pra fora. E então se vestir vai ser um prazer pela diversão de se experimentar, usando a estética como arte para representar a si mesmo.

Contato por Whatsapp